quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Traição

O desejo de sentir algo pelo próximo e não resistir a ele, ou o simples ato de fazer mesmo sem sentir nada pela outra pessoa.  Ela pode ser uma forma de decepção, modo para sair da rotina, ou pura pegação (pois a pessoa não tem compromissos). Mas para que ela existe?
Quando amamos uma pessoa não temos a necessidade de trair certo? Sim, mas o ser humano não tem esse pensamento, na maioria dos casos é claro. Porque nos temos que ser diferentes dos outros seres? Porque temos essa necessidade de trair? E porque começamos um relacionamento se mais tarde vamos trair? Um dos motivos para isso é o século XXI. Pois as pessoas não se apaixonam com antigamente, elas ficavam muito tempo se conhecendo e “tentando” ficar próximas, por isso se conheciam muito bem, e tinham certeza do que queriam.

No século XXI as pessoas não se valorizam mais. As pessoas não se apaixonam como antigamente; onde elas ficavam muito tempo se conhecendo e “tentando” ficar próximas, e quando assumiam um compromisso tinham certeza do que estavam fazendo. Sabiam que era amor. De verdade. Porém os jovens deste século só querem pegação. Hoje em dia se conhecem em uma festa e logo “ficam”; no outro dia, a mesma. É simples, não!? Mas é por causa disso que não se respeitam, amam de verdade, sempre tudo muito rápido, acham que é a pessoa certa mais não é porque mal se conhecem. E é assim que surge a traição.

Mas eu também já fiquei muito e nunca trai. Pois acredito nos sentimentos das pessoas, e não vou iludir ninguém. Ainda mais que agora eu estou co ma pessoa certa ao meu lado, ela faz quase tudo que eu quero, me completa, me faz feliz e me da todo carinho que eu tanto precisei quando era totalmente solitário.
E para encerar quero dizer para vocês nunca traírem ninguém. Pois  não leva a nada, se acha que vai acontecer, nem começa um namoro e se tiver namorando e quiser outra pessoa, acabe o namoro, assim fica tudo muito mais fácil, e sem grandes conflito. Obrigado